‘NOMADLAND’ VENCE o PRÊMIO do SINDICATO de PRODUTORES (PGA) e se aproxima do OSCAR

ROAD MOVIE DE CHLOÉ ZHAO DÁ IMPORTANTE PASSO PARA O OSCAR DE MELHOR FILME

A cerimônia virtual do Producers Guild of America (PGA) aconteceu nesta quarta (24), com todos os discursos pré-gravados. A vitória de Nomadland reforça ainda mais seu favoritismo na temporada, batendo concorrentes fortes e diretos no Oscar como Bela Vingança, Minari e Os 7 de Chicago.

É importante destacar que a vitória do PGA não garante o Oscar, principalmente se lembrarmos da temporada passada em que 1917 ganhou o prêmio do sindicato, mas perdeu para Parasita na cerimônia da Academia. O filme de guerra de Sam Mendes conquistou o PGA e o DGA, enquanto o drama coreano de Bong Joon Ho conquistou o SAG. Curiosamente, Nomadland não está sequer indicado ao SAG de Elenco, apenas Frances McDormand como Melhor Atriz, o que deve dar um novo impulso para os filmes indicados por lá: Destacamento Blood, A Voz Suprema do Blues, Minari, Os 7 de Chicago e Uma Noite em Miami.

Se compararmos as estatísticas nesses 31 anos de PGA, continuam bem positivas: foram 21 acertos em relação ao Oscar, sendo o último Green Book. Veja tabela abaixo dos últimos 10 anos:

ANOPGA FILMEOSCAR FILME
2021Nomadland???
20201917Parasita
2019Green BookGreen Book
2018A Forma da ÁguaA Forma da Água
2017La La LandMoonlight
2016A Grande ApostaSpotlight
2015BirdmanBirdman
201412 Anos de Escravidão12 Anos de Escravidão
2013ArgoArgo
2012O ArtistaO Artista
2011O Discurso do ReiO Discurso do Rei

Na categoria de Animação, também deu a aposta mais óbvia de Soul. Como existe uma opinião generalizada de que não se trata de um dos melhores trabalhos da Pixar, ainda há chances para Wolfwalkers no Oscar, mas com este prêmio, são bem menores. Não sei quanto a vocês, mas pela categoria costumar ser diversificada, torcemos por produções menores e igualmente bem feitas como no ano passado o Klaus ou Perdi Meu Corpo, por isso ficamos um pouco decepcionados quando o Oscar vai sempre pra Disney ou Pixar. E todo ano indicam uma produção em língua estrangeira, mas a última e única vez que uma delas foi premiada foi em 2002 com A Viagem de Chihiro.

Já entre os Documentários, surpreendentemente Professor Polvo levou a melhor. A surpresa é que 2020 foi um ano bastante competitivo no gênero, com fortes títulos como Time, As Mortes de Dick Johnson e The Truffle Hunters, e acaba ganhando um documentário bem simples com uma vertente mais “fofinha” de um homem que faz amizade com um polvo, ou melhor, “polva”. Diríamos que a campanha milionária da Netflix tem sido bem eficiente, pois o filme também está entre os indicados ao Oscar de Melhor Documentário. Com essa vitória, não duvidamos de um novo triunfo no Oscar. Se isso acontecer, pode ser alvo de críticas por haver filmes melhores e com temáticas mais sérias e urgentes como o racismo e a política.

A matéria da Variety destacou que houve dois erros crassos de digitação na cerimônia virtual. No primeiro, erraram o nome do ator Steven Yeun ao introduzi-lo como “Steven Yuen”. Já no segundo, na seção do In Memoriam, o nome do ator indiano Irrfan Khan foi escrito como “Irrif Kahn”. Aí o corpo do Irrfan se revirou no túmulo.

CONFIRA OS VENCEDORES DO 32º PGA AWARDS:

PRÊMIO DARRYL F. ZANUCK DE MELHOR PRODUÇÃO DE CINEMA

  • NOMADLAND (Nomadland) (Searchlight Pictures)
    Produtores: Mollye Asher, Dan Janvey, Frances McDormand, Peter Spears, Chloé Zhao

MELHOR PRODUÇÃO DE LONGA DE ANIMAÇÃO

  • SOUL (Soul) (Pixar)
    Produtora: Dana Murray

MELHOR PRODUÇÃO DE DOCUMENTÁRIO

  • PROFESSOR POLVO (My Octopus Teacher) (Netflix)
    Produtor: Craig Foster

MELHOR PRODUÇÃO DE SÉRIE EPISÓDICA

  • THE CROWN (Netflix)
    Produtores: Peter Morgan, Suzanne Mackie, Stephen Daldry, Andy Harries, Benjamin Caron, Matthew Byam Shaw, Robert Fox, Michael Casey, Andy Stebbing, Martin Harrison, Oona O’Beirn

MELHOR PRODUÇÃO DE SÉRIE DE COMÉDIA

  • SCHITT’S CREEK (Pop TV)
    Produtores: Eugene Levy, Daniel Levy, Andrew Barnsley, Fred Levy, David West Read, Ben Feigin, Michael Short, Kurt Smeaton, Kosta Orfanidis

MELHOR PRODUÇÃO DE MINISSÉRIE

  • O GAMBITO DA RAINHA (The Queen’s Gambit) (Netflix)
    Produtores: William Horberg, Allan Scott, Scott Frank, Marcus Loges, Mick Aniceto

MELHOR PRODUÇÃO DE FILME FEITO PARA TV

  • HAMILTON (Hamilton) (Disney Plus)
    Produtores: Thomas Kail, Lin-Manuel Miranda, Jeffrey Seller
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: