GLENN CLOSE ENTRE INDICADOS do FRAMBOESA DE OURO 2021

ATRIZ VETERANA PODE CONSEGUIR UMA RARA COMBINAÇÃO DE FRAMBOESA E OSCAR PELA MESMA PERFORMANCE

A primeira coisa que deve ter vindo à mente de Glenn Close ao ler esta notícia foi: “Mais um ano sem Oscar”. A atriz vinha num bom momento com indicações ao Globo de Ouro, Critics’ Choice e SAG, mesmo num filme de qualidade questionável como Era uma Vez um Sonho. Apesar de não carregar o favoritismo de Maria Bakalova, Yuh-Jung Youn ou mesmo de Jodie Foster, que ganhou o Globo de Ouro, Glenn Close ainda tinha chances reais de vitória no Oscar pela instabilidade da categoria de Atriz Coadjuvante. E sua derrota dolorida em 2019 no Oscar certamente lhe renderia votos de consolação por muitos membros da Academia.

Não estamos dizendo que o Oscar de Glenn Close já era, até mesmo porque ela tem muita credibilidade ainda (foi sua primeira indicação ao Framboesa) e ainda há tempo para se recuperar até o final de Abril quando acontece a cerimônia do Oscar. Vale lembrar aqui que houve dois raríssimos casos que podem se tornar iguais ao dela: Amy Irving e James Coco. Ela foi indicada para o Oscar e Framboesa pela atuação em Yentl, enquanto ele foi lembrado por ambos os prêmios por O Doce Sabor de um Sorriso. Nenhum dos dois ganhou nenhum dos prêmios.

Ainda no campo dos atores, tem sido cada vez mais recorrente a presença de atores indicados ou vencedores do Oscar na lista do Framboesa. Só para lembrar dois casos icônicos: Halle Berry por Mulher-Gato e Sandra Bullock por Maluca Paixão. Este ano, temos Robert Downey Jr., que acreditava que conseguiria firmar uma nova franquia com Dolittle; Anne Hathaway, que tem tido um dedo podre para escolher projetos depois do Oscar, por A Última Coisa que Ele Queria e Convenção das Bruxas; Kate Hudson, que concorreu ao Globo de Ouro de Atriz de Comédia pela mesma performance, por Music; e Kristen Wiig, que foi indicada ao Oscar como roteirista de Missão Madrinha de Casamento, por Mulher-Maravilha 1984; além da já citada Glenn Close, sete vezes indicada ao Oscar sem vitória.

Muitos acusam o Framboesa de serem cruéis com alguns atores, mas a verdade que muitos não querem ouvir é que o prêmio é uma forma de apoio. Tudo bem, um tapa na cara primeiro (pra acordar) e depois um apoio moral. Quando atores conhecidos e até Oscarizados são lembrados é porque a equipe da seleção deseja uma escolha melhor de projetos para o ator ou a atriz. Um ator que gostamos é o Nicolas Cage, que já ganhou o Oscar de Melhor Ator nos anos 90, mas convenhamos que ele fez péssimas escolhas nas décadas seguintes, mas de vez em quando ainda acerta. Outro exemplo que vem bem a calhar é Eddie Murphy, que após ser eleito o pior ator da década em 2010 pelo Framboesa, repensou a carreira e passou a escolher melhores projetos como Meu Nome é Dolemite.

SOBRE A 41ª EDIÇÃO DO FRAMBOESA

Toda vez que a lista de indicados ao Framboesa de Ouro é anunciada, a primeira sensação costuma ser de alívio por não ter visto quase nenhum dos filmes reconhecidos. Claro que seria ótimo ver todos esses filmes para criticar com propriedade, mas nessas horas que reforçamos o quão precioso é o nosso tempo. Muitos que estão lendo agora devem ter visto pelo menos um dos indicados a Pior Filme do Ano: 365 Dias, Absolute Proof, Dolittle, A Ilha da Fantasia ou Music. Aí lhe perguntamos: São tão ruins assim?

Chamamos a atenção para as duas indicações a Borat: Fita de Cinema Seguinte, que recentemente foi indicado a Melhor Filme no Sindicato de Produtores (PGA) e ganhou o Critics’ Choice de Atriz Coadjuvante. Achamos justa a indicação de Rudy Giuliani como Pior Ator Coadjuvante, porque aquele ser é realmente detestável, mas contestamos a indicação de Pior Dupla para ele e Maria Bakalova. Claro que a cena no quarto de hotel foi horrenda, mas no aspecto chocante do flagra, e por isso mesmo, Bakalova não merecia essa mancha no currículo. Entendemos a intenção do Framboesa, mas de alguma forma, acaba prejudicando a carreira da novata. Achamos bem difícil ele ganhar o Oscar, porque a Academia costuma fugir desse tipo de filme polêmico e de comédia, mas poderiam tê-la poupado.

E o que dizer desse 365 Dias? Parece que assumiu o posto de softporn deixado pela trilogia Cinquenta Tons de Cinza. No mês de seu lançamento na plataforma da Netflix, o filme polonês foi o mais visto pelo público brasileiro (que adora uma putaria rs), mas mal sabiam os atores que essa fama instantânea renderia indicações ao Framboesa. E vale lembrar que é o primeiro filme em língua estrangeira a ser indicado a Pior Filme, tornando-se um marco na história do prêmio. Já para a Netflix, cujo lema é “Falem mal, mas falem de mim”, deve ter comemorado mais uma propaganda para sua plataforma, que agora quer caçar usuários que estão compartilhando senhas. Quem não faz isso??

E quem disse que não há representatividade feminina no Framboesa? Enquanto Chloé Zhao, Emerald Fennell e Regina King estão bem reconhecidas na temporada, Barbara Bialowas (365 Dias) e Sia (Music) estão na lista de piores diretores, comprovando que a ascensão feminina cresce em todos os âmbitos. Ah! E nosso querido Ron Howard, que venceu o Oscar de David Lynch e Robert Altman em 2002 por Uma Mente Brilhante, recebe sua segunda indicação por Era uma Vez um Sonho após O Código Da Vinci em 2007.

VOTOS PESSOAIS

Das produções lançadas no ano 2020, incluiríamos: O Grito, Os Novos Mutantes, a animação A Caminho da Lua (que pode ser indicada ao Oscar) e o documentário O Dilema das Redes, que tem um ótimo tema mas extremamente pobre, apelativo e com péssimas dramatizações.

confira todos os indicados ao 41º Framboesa de Ouro:

PIOR FILME

365 Dias
Absolute Proof
Dolittle
A Ilha da Fantasia (Fantasy Island)
Music

PIOR ATOR

Robert Downey Jr. / Dolittle
Mike Lindell / Absolute Proof
Michele Morrone / 365 Dias
Adam Sandler / O Halloween do Hubie
David Spade / A Missy Errada

PIOR ATRIZ

Anne Hathaway / A Última Coisa que Ele Queria & Convenção das Bruxas
Katie Holmes / Brahms: O Boneco do Mal II & O Segredo: Ouse Sonhar
Kate Hudson / Music
Lauren Lapkus / A Missy Errada
Anna-Maria Sieklucka / 365 Dias

PIOR ATRIZ COADJUVANTE

Glenn Close / Era uma Vez um Sonho
Lucy Hale / A Ilha da Fantasia
Maggie Q / A Ilha da Fantasia
Kristen Wiig / Mulher-Maravilha 1984
Maddie Ziegler / Music

PIOR ATOR COADJUVANTE

Chevy Chase / The Very Excellent Mr. Dundee
Rudy Giuliani / Borat: Fita de Cinema Seguinte
Shia LaBeouf / The Tax Collector
Arnold Schwarzeneggar / Iron Mask
Bruce Willis / Breach, Hard Kill & Sobreviver à Noite

PIOR DUPLA NA TELA

Maria Bakalova & Rudy Giuliani / Borat: Fita de Cinema Seguinte
Robert Downey Jr. & seu sotaque galês nada convincente / Dolittle
Harrison Ford & aquele cachorro CGI totalmente falso / O Chamado da Floresta
Lauren Lapkus & David Spade / The Missy Errada
Adam Sandler & sua voz irritante / O Halloween do Hubie

PIOR DIRETOR

Charles Band / Todos os 3 filmes de Barbie & Kendra
Barbara Bialowas & Tomasz Mandes / 365 Dias
Stephen Gaghan / Dolittle
Ron Howard / Era uma Vez um Sonho
Sia / Music

PIOR ROTEIRO

365 Dias
Todos os 3 filmes de Barbie & Kendra
Dolittle
A Ilha da Fantasia
Era uma Vez um Sonho

PIOR REMAKE, CÓPIA OU SEQUÊNCIA

365 Dias
Dolittle
A Ilha da Fantasia
O Halloween do Hubie
Mulher-Maravilha 1984

______________________________________________
A cerimônia do Framboesa de Ouro acontecerá no dia 24 de Abril, um dia antes do Oscar.

‘MINARI’ e ‘MANK’ CONQUISTAM ESPAÇO no SINDICATO de MONTADORES

MINARI E MANK GANHAM NOVO GÁS NA TEMPORADA A POUCOS DIAS ANTES DAS INDICAÇÕES AO OSCAR

O American Cinema Editors (ACE), ou conhecido carinhosamente por Eddie, foi um pouco na contramão do BAFTA e indicou Minari e Mank em sua categoria de Drama, fortalecendo a campanha do filme de Lee Isaac Chung, enquanto dá uma sobrevida ao filme de David Fincher, que passou de provável recordista de indicações para reduto de categorias técnicas. A grande ausência na categoria é a montagem de Meu Pai, pois trabalha as falha de memória devido à demência do protagonista vivido por Anthony Hopkins, o que pode ter sido causada pela fraca campanha da Sony Pictures Classics, que inclusive põe em xeque a indicação de Coadjuvante para Olivia Colman.

Já na categoria de Comédia, a montagem de Bela Vingança é a grande favorita a levar o prêmio e de também seguir em busca da indicação ao Oscar, fato que reforçaria a campanha para Melhor Filme. Aliás, o vencedor do Eddie possui uma boa estatística de prever o vencedor de Melhor Filme. Embora nos últimos 10 anos, apenas 4 terem se confirmado (veja tabela abaixo), nos últimos 29 anos, 23 que ganharam o ACE levaram também o Oscar de Melhor Filme.

ANOEDDIE DRAMAEDDIE COMÉDIAOSCAR de MONTAGEM
2020ParasitaJojo RabbitFord vs. Ferrari
2019Bohemian RhapsodyA FavoritaBohemian Rhapsody
2018DunkirkEu, TonyaDunkirk
2017A ChegadaLa La LandAté o Último Homem
2016Mad Max: Estrada da FúriaA Grande ApostaMad Max: Estrada da Fúria
2015BoyhoodO Grande Hotel BudapesteWhiplash
2014Capitão PhillipsTrapaçaGravidade
2013ArgoO Lado Bom da VidaArgo
2012O ArtistaOs DescendentesA Invenção de Hugo Cabret
2011A Rede SocialAlice no País das MaravilhasA Rede Social

Confira a lista de indicados das categorias de cinema do 71º ACE Awards:

MONTAGEM – DRAMA

  • MANK – Kirk Baxter
  • MINARI – Harry Yoon
  • NOMADLAND – Chloé Zhao
  • O SOM DO SILÊNCIO – Mikkel E.G. Nielsen
  • OS 7 DE CHICAGO – Alan Baumgarten

MONTAGEM – COMÉDIA

  • BORAT: FITA DE CINEMA SEGUINTE – James Thomas, Craig Alpert, Mike Giambra
  • EU ME IMPORTO – Mark Eckersley
  • ON THE ROCKS – Sarah Flack
  • PALM SPRINGS – Matthew Friedman, Andrew Dickler
  • BELA VINGANÇA – Frédéric Thoraval

MONTAGEM – ANIMAÇÃO

  • OS CROODS 2: UMA NOVA ERA – James Ryan
  • DOIS IRMÃOS: UMA JORNADA FANTÁSTICA – Catherine Apple
  • A CAMINHO DA LUA – Edie Ichioka
  • SOUL – Kevin Nolting
  • WOLFWALKERS – Darragh Byrne, Richie Cody, Darren Holmes

MONTAGEM – DOCUMENTÁRIO

  • ATÉ O FIM: A LUTA PELA DEMOCRACIA – Nancy Novack
  • AS MORTES DE DICK JOHNSON – Nels Bangerter
  • THE DISSIDENT – Scott D. Hanson, James Leche, Wyatt Rogowski, Avner Shiloah
  • MY OCTOPUS TEACHER – Pippa Ehrlich, Dan Schwalm
  • O DILEMA DAS REDES – Davis Coombe

MONTAGEM – DOCUMENTÁRIO (NÃO LANÇADO EM CINEMA)

  • BEASTIE BOYS STORY – Jeff Buchanan, Zoe Schack
  • THE BEE GEES: HOW CAN YOU MEND A BROKEN HEART – Derek Boonstra, Robert A. Martinez
  • THE LAST DANCE – Chad Beck, Devin Concannon, Abhay Sofsky, Ben Sozanski
  • SEDUCED: INSIDE THE NXIVM CULT – Inbal B. Lessner, Alex Jablonski, Gillian McCarthy, Matthew Moul, Chris A. Peterson

A cerimônia virtual está agendada para o dia 17 de Abril.

________________________________________________

Nesta última quinta-feira, dia 11, houve a inauguração do prêmio do Sindicato de Decoradores de Set ou Set Decorators Society of America (SDSA). Pra quem não conhece muito a área, o decorador de set é responsável por selecionar, projetar, fabricar e fornecer os objetos do cenário. Tradicionalmente, esse profissional é indicado a prêmios de Design de Produção juntamente com o desenhista de produção, já que ele concretiza os temas e designs de seu companheiro de trabalho.

Justamente pelo reconhecimento em conjunto, à princípio não vemos esse prêmio como algo realmente necessário, até mesmo porque já temos um caminhão deles anualmente, mas se eu fosse um decorador de set, certamente iria adorar um prêmio exclusivo para meu cargo. Por se tratar de um prêmio novíssimo, estamos longe de saber como ele vai se encaixar na temporada e quais suas consequências até chegar o Oscar. A tendência é que os vencedores daqui casem com os mesmos vencedores do Art Designers Guild (ADG), mas às vezes pode acontecer do melhor design não necessariamente contar com a melhor decoração de set.

Assim como o ADG e o Sindicato de Figurinistas, o SDSA também conta com as categorias de Filme de Época, Ficção Científica ou Fantasia, e Contemporâneo, mas até agora estamos tentando entender o porquê da categoria de Comédia ou Musical, que embora seja bacana o reconhecimento, está bem fora do contexto aqui.

Os vencedores serão conhecidos no dia 31 de Março, quando serão anunciados via canal oficial do YouTube.

Confira os indicados do 1º SDSA Awards:

DECORAÇÃO DE SET – FILME DE ÉPOCA

  • EMMA.
  • MANK
  • A VOZ SUPREMA DO BLUES
  • RELATOS DO MUNDO
  • OS 7 DE CHICAGO

DECORAÇÃO DE SET – FICÇÃO CIENTÍFICA OU FANTASIA

  • O CÉU DA MEIA-NOITE
  • PALM SPRINGS
  • CONVENÇÃO DAS BRUXAS
  • TENET
  • MULHER-MARAVILHA 1984

DECORAÇÃO DE SET – CONTEMPORÂNEO

  • DESTACAMENTO BLOOD
  • ERA UMA VEZ UM SONHO
  • ESTOU PENSANDO EM ACABAR COM TUDO
  • BELA VINGANÇA
  • O SOM DO SILÊNCIO

DECORAÇÃO DE SET – COMÉDIA OU MUSICAL

  • BORAT: FITA DE CINEMA SEGUINTE
  • DOLITTLE
  • FESTIVAL EUROVISION DA CANÇÃO: A SAGA DE SIGRIT E LARS

%d blogueiros gostam disto: